O Lutador (The Wrestler – Darren Aronofsky, 2008)

lutador2lutador1

O Aronofsky abandonou aquele cinema cheio de maneirismos e tiques estéticos (sim, eu gosto de Requiém Para Um Sonho assim mesmo) nesse novo. A impressão que fica é que ele resolveu preocupar-se mais com o estado psicológico de seus personagens do que massagear seu ego de diretor-cult-fazedor-de-arte. Pois bem, mostra talento sendo mais comedido e, principalmente, objetivo. O Lutador dentre toda sua gama de complexidade psicológica, é, acima de tudo, um filme sobre o passado e o presente, sobre o velho contra o novo, sobre o esquecimento, sobre a solidão.

4/4

Djonata Ramos

3 Comments

Filed under Comentários

3 Responses to O Lutador (The Wrestler – Darren Aronofsky, 2008)

  1. Rodrigo Jordão

    E o Mickey Rourke, tá bem mesmo, apesar da cara?

  2. djonata ramos

    não entendi o “apesar da cara”. mas não consigo definir melhor a atuação dele do que: encarnado.

  3. Rodrigo Jordão

    Você precisa ver mais Chaves e Chapolim haha…

    É o que passa mesmo. Quero muito ver esse.